Qual é a temática do poema Retrato de Cecília Meireles?

Spread the love
Rate this post

Qual é a temática do poema Retrato de Cecília Meireles?

Os versos de Retrato são dos mais conhecidos da sua extensa obra e, apesar de terem sido publicados em 1939, no livro Viagem, permanecem atemporais por abordarem o tema universal da transitoriedade da vida.

O que sugere o título do poema Retrato?

O título Retrato se encaixa perfeitamente ao poema porque a palavra simboliza algo estático, parado, eternizado e o “eu” lírico ansiava se eternizar, porém o tempo não permitiu e, por isso, ao final do poema se indaga em que momento de sua vida a sua juventude foi eternizada pela imobilidade, como acontece nos álbuns …

Que espelho ficou perdida a minha face?

Em que espelho ficou perdida a minha face? Essa pergunta despertada por um poema de Cecília Meireles nos traz o abismo de nossas vidas e a porta para a liberdade de nossas mentes. Criem-se! Estava vagando rumo a entrega do meu destino e a minha face se perdeu em meio ao vão.

Em que ano Cecília Meireles escreveu o poema Retrato?

Leia, de Cecília Meireles, dois poemas: Retrato, publicado em Viagem, de 1939, e Epigrama do Espelho Infiel, publicado em Vaga Música, de 1942.

Quem é o eu lírico desse poema?

Eu lírico, eu poético ou sujeito lírico são nomenclaturas utilizadas para indicar a voz que enuncia o poema. O gênero lírico é aquele destinado a expressar emoções, sensações, disposições psíquicas, ou seja, a vivência de um eu em seu encontro com o mundo. … E é por meio da voz do eu lírico que o poema enuncia-se.

Qual é a finalidade de um poema?

Poema é uma obra literária que pertence ao gênero da poesia, e cuja apresentação pode surgir em forma de versos, estrofes ou prosa, com a finalidade de manifestar sentimento e emoção. … A palavra “poema” deriva do verbo grego “poein” que significa “fazer, criar, compor”.

Qual palavra qualifica o substantivo retrato?

Retrato pode funcionar como um substantivo e um adjetivo.

Em que espelho ficou perdida a minha alma?

Eu não tinha estas mãos sem força, tão paradas e frias e mortas; eu não tinha este coração que nem se mostra. Eu não dei por esta mudança, tão simples, tão certa, tão fácil: – Em que espelho ficou perdida minha face? (Cecilia Meireles)

Tinha este rosto de hoje?

CECÍLIA MEIRELES EU NÃO TINHA ESTE ROSTO DE HOJE, ASSIM CALMO, ASSIM TRISTE, ASSIM MAGRO, NEM ESTES OLHOS TÃO VAZIOS, NEM O LÁBIO AMARGO. EU NÃO TINHA ESTAS MÃOS SEM FORÇA, TÃO PARADAS E FRIAS E MORTAS; EU NÃO TINHA ESTE CORAÇÃO QUE NEM SE MOSTRA.

Quantos versos tem o poema retrato?

No poema Retrato falante, de Cecília Meireles, os versos se distribuem em doze estrofes, cada uma com quatro versos, possuindo oito sílabas poéticas (octossílabos).

Como saber quem é o eu lírico de um poema?

O eu lírico ou eu poético é a voz que se expressa em uma poesia. Tal voz manifesta sentimentos, emoções, pensamentos e até opiniões. Portanto, tudo que é dito em uma poesia deve ser atribuído ao eu lírico, e não ao poeta.

Como o eu lírico se caracteriza nesse poema?

O eu lírico é um elemento fundamental da poesia. Quando lemos um poema, estamos diante de uma obra literária do gênero lírico, isto é, uma composição escrita que evidencia sobretudo a subjetividade – as sensações, emoções, a interioridade de um sujeito.

O que é o gênero textual poema?

O poema é um gênero textual que pode ser escrito conforme rígidas normas — os poemas de forma fixa — ou em versos livres, nos quais mais valem as imagens do que a métrica. … O poema é um gênero textual relacionado com os gêneros literários.

O que torna o texto um poema?

O poema é um gênero literário que normalmente se apresenta em versos, mas pode também dispensar estrofes, rimas e métrica. … Para que um texto seja considerado poema, é preciso que ele apresente uma forma fixa, rimas e métricas, conforme os ideais clássicos de poesia.

Qual o substantivo de retrato?

Significado de Retrato substantivo masculino Fotografia; imagem que reproduz algo ou alguém.

Qual palavra qualifica o substantivo portrait?

Portrait pode funcionar como um substantivo e um adjetivo. O nome ou substantivo é o tipo de palavras cujo significado determina a realidade. Os substantivos denominam todas as coisas: pessoas, objetos, sensações, sentimentos, etc. O adjetivo é a palavra que acompanha o nome para determiná-lo ou qualificá-lo.

Onde está a minha face Cecília Meireles?

nem estes olhos tão vazios, nem o lábio amargo. que nem se mostra. a minha face?

Quantas estrofes e quantos versos tem o poema Auto-retrato E o Poema de Sete Faces?

O título éPoema de Sete Faces” e o poema tem sete estrofes, e cada estrofe corresponderia a uma “face” ou ponto de vista. 02 – Que elemento comum identifica o poeta e o anjo? O adjetivo “torto”.

Quantas estrofes tem no poema Cecília Meireles?

O poema é composto por três estrofes, cada uma delas com quatro versos.

Como saber quem é o eu lírico?

O eu lírico ou eu poético é a voz que se expressa em uma poesia. Tal voz manifesta sentimentos, emoções, pensamentos e até opiniões. Portanto, tudo que é dito em uma poesia deve ser atribuído ao eu lírico, e não ao poeta.

Como descobrir o índice de refração?

O que é linfonodos na face?

Qual a diferença entre inteligência artificial e Internet das Coisas?

O que são acordes de passagem?

Leave a Comment